OURO RECICLADO

Nosso ouro também tem uma história que vai muito além do brilho. Seguindo a premissa de não usarmos nenhum insumo extraído da terra, o ouro usado em nossas joias hoje é reciclado, sendo uma parte rastreada por blockchain.

O ouro é um metal que pode facilmente ser reciclado sem perder sua qualidade, eliminando o processo de mineração insustentável. O ouro 18k é a melhor escolha para a manufatura de joias, pois é feito de uma combinação de 75% de ouro puro e 25% de liga (outros materiais preciosos), o que significa que é o mais puro possível dentro das características necessárias para a fabricação de joias.

Ouro reciclado

O ouro reciclado é feito de metais preciosos refinados provenientes de uma
combinação de locais. A grande maioria vem de joias descartadas e o restante
provem de resíduos eletrônicos, como celulares e laptops.

Como é feita a reciclagem do ouro

O processo de reciclagem do ouro começa pela avaliação da sua pureza. Isso é
categorizado usando o sistema de quilates, no qual o ouro pode ser de 10K, 14K,
18K, 22K ou 24K.

Depois de classificado, o ouro é derretido a uma temperatura extremamente elevada. Em
seguida, é transformado em barra e então fundido novamente para queimar mais
impurezas.

A maior parte do ouro existente no mundo já foi extraída, restam apenas algumas
regiões de mineração (das quais muitas são ilegais). A reciclagem evita as
preocupações éticas e ambientais atribuídas à mineração. Além disso, o ouro
pode ser derretido e reciclado continuamente sem perder seu valor ou pureza.

Nosso programa de upcycling de ouro

Você pode trocar o ouro das suas joias antigas a qualquer momento por crédito para adquirir uma nova peça da Gaem.

Como funciona?
Primeiramente, analisaremos as suas peças para definir o teor do ouro. Depois, calcularemos o valor fazendo a relação do peso com a cotação do dia.
As peças que contêm pedras serão descravadas e devolvidas.
Pronto, agora é só escolher a sua joia Gaem favorita!

Mas o que é blockchain?

De uma forma simples, trata-se de uma tecnologia que agrupa um conjunto de informações que se conectam por meio de criptografia. É basicamente um livro de registros, compartilhado e imutável, que facilita o processo de gravação de transações e rastreamento de ativos em uma rede de negócios. Assim, é possível verificar informações de maneira simples e confiável, sem depender de terceiros. Praticamente qualquer item de valor pode ser rastreado e negociado em uma rede de blockchain, o que reduz os riscos e os custos para todos os envolvidos.

OURO E SEU TEOR

O ouro 24K normalmente não é usado em joias por ser muito macio e altamente maleável, o que significa que não mantém bem sua forma e risca facilmente. Ele também tem um tom mais alaranjado brilhante que não é considerado tão atraente quanto o tom de ouro mais suave com que estamos acostumados.

O ouro 18k é composto por 75% de ouro e 25% de liga e é o tipo mais usado em joias finas de alta qualidade e relógios de luxo.
Como tem uma elevada percentagem de pureza, apresenta baixísismo risco de irritar a pele - o que pode ocorrer quando o ouro é menospuro, por exemplo. Na Gaem, só trabalhamos com ouro 18k.

O ouro 14k é composto por 53,8% de ouro e 41,7% de liga e é financeiramente mais acessível, além de ter um maior potencial para provocar irritação na pele.

Abaixo disso, o ouro 10k (41,7% ouro e54,8% liga) é o mais impuro dentro da joalheria.
Normalmente as marcas de luxo não oferecem ouro 10k.Ele é usado em joias populares e derua, masnão nunca em anéis de noivado da alta joalheria.

O ouro 18k da GAEM não possui níquel em sua liga.